lótus





cabeça embaralhada

embalada seja

minha vontade

do céu veja

como é difícil daqui

do cinza que escurece

a aquarela me ajuda

a acreditar que ainda não se foi

vou sentar na rede

e esperar você passar por aqui

quem sabe eu sinta seu perfume

vou torcer para que a brisa esteja

usando ele também

assim que ele passar

vou guardá-lo num vidro

e fazê-lo refém

vou dar uma pincelada naquele quadro

não terminei ainda

a superfície estava abstrata

já era,

espera

acho que consigo consertar

piorei seu sorriso

porque não dá pra melhorar

foi sempre o melhor

vou limpar o cinzeiro

fazer um café

o cão ainda não chegou com o jornal

ele quebrou a corda do violão

por isso aquela música

não terminei ainda

mas acho que ainda consigo consertar

faz assim

me espera aí

que vou aí

te encontrar

assim que esse sonho

terminar














Comentários

Postagens mais visitadas